MST chama governadores para ato político em Fortaleza

De acordo com o Movimento dos Sem Terra, os governadores do Piauí e do Maranhão confirmaram presença

José Maria Tomazela, O Estado de S.Paulo

24 de janeiro de 2017 | 16h42

SOROCABA - O Movimento dos Sem Terra (MST) promove um ato político com governadores, senadores e deputados de oposição ao governo federal, nesta quarta-feira, 25, em Fortaleza (CE). O ato será em defesa da reforma agrária e também terá a presença do presidente do PT, Rui Falcão.

De acordo com o MST, os governadores Wellington Dias (PT), do Piauí, e Flávio Dino (PCdoB), do Maranhão, além dos senadores José Pimentel (PT-CE), Lindbergh Farias (PT-RJ), Gleisi Hoffman (PT-PR), e deputados federais também confirmaram presença. Estarão ainda no ato outros dirigentes partidários e de entidades nacionais, como Carina Vital, presidente da União Nacional de Estudantes (Une), e Camila Lanes, presidente da União Brasileira de Estudantes Secundaristas (Ubes).

Representantes da Frente Brasil Popular e de movimentos sociais urbanos, como o Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), também devem participar. Ainda conforme o MST, a atividade, no Clube da Cofeco, às 19h30, vai reafirmar a posição "contra a retirada de direitos sociais capitaneada pelo governo de Michel Temer". 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.