MS teve 14 ocorrências sem prisão neste domingo

Foram registradas 14 ocorrências envolvendo candidatos e partidários nas primeiras quatro horas de votação no Mato Grosso do Sul, segundo balanço parcial divulgado pelo Tribunal Regional Eleitoral estadual (TRE-MS). Três ocorrências envolveram propaganda eleitoral dos dois candidatos, Delcídio do Amaral, do PT, e Reinado Azambuja, do PSDB, e as demais, seus partidários.

JOSÉ MARIA TOMAZELA, Estadão Conteúdo

26 de outubro de 2014 | 14h00

Um apoiador foi flagrado transportando eleitores em Nioaque. Outros faziam distribuição de santinhos nos municípios de Miranda, Ivinhema e Rio Negro. Em Campo Grande, uma eleitora teve o carro pichado quando votava - o veículo tinha adesivo contra a presidente Dilma Rousseff (PT). Nenhum dos envolvidos chegou a ser preso. Em todo o estado, 33 urnas apresentaram problemas e foram trocadas.

Tudo o que sabemos sobre:
eleiçõesMSocorrências

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.