MP entrega à Justiça alegações finais de processo contra Dantas

MPF não informou o teor do documento; defesa tem até a próxima quarta-feira para apresentar suas alegações

Agência Brasil

12 de novembro de 2008 | 15h29

O Ministério Público Federal encaminhou nesta quarta-feira, 12, à Justiça Federal o memorial contendo as alegações finais do processo contra o banqueiro Daniel Dantas, acusado de tentar subornar um delegado da Polícia Federal para ter o seu nome retirado das investigações da Operação Satiagraha. Também são acusados no mesmo processo o ex-presidente da Brasil Telecom Humberto Braz e o professor Humberto Chicaroni.  Veja também:Presidente da CPI dos Grampos quer prorrogar trabalhos Especial explica a Operação Satiagraha Multimídia: As prisões de Daniel Dantas Daniel Dantas, pivô da maior disputa societária do Brasil  O memorial é um documento, por escrito, com as considerações finais de um processo pelo qual um procurador resume a acusação e pode pedir ou não a um juiz a condenação do investigado. O Ministério Público Federal não informou o teor do documento. A defesa dos acusados tem até a próxima quarta-feira  para também apresentar suas alegações finais.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.