MP apreende madeira ilegal em fazenda de sócio de Padilha

Durante operação, foram encontradas espécies de parque estadual na fazenda Paredão 2, em Mato Grosso, de Marcos Tozzati

Anne Warth, O Estado de S.Paulo

08 de julho de 2017 | 20h07

BRASÍLIA – Uma operação coordenada pelo Ministério Público do Estado do Mato Grosso encontrou madeira ilegal em na fazenda Paredão 2, que pertence a um sócio do ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha.

De acordo com nota divulgada no site do MPE, na propriedade, de Marcos Antônio Tozzati, equipes da Polícia Civil apreenderam uma arma de fogo e dois caminhões carregados de lascas de madeira extraída ilegalmente do Parque Estadual Serra Ricardo Franco na fazenda, que fica no município de Vila Bela da Santíssima Trindade.

A irregularidade foi constatada durante uma operação de busca e apreensão realizada na fazenda Jatuarana, vizinha de Paredão 2, há duas semanas.

No fim do ano passado, um inquérito policial foi instaurado para apurar crimes ambientais ocorridos na fazenda Paredão 2. Os crimes, no entanto, continuam a ser praticados.

De acordo com o MPE, Marcos Antônio Tozzati é ex-assessor do ministro Eliseu Padilha. No ano passado, a operação apreendeu um trator e quase 2 mil bovinos na fazenda Paredão 2.

A propriedade não possui sede própria, mas utiliza a estrutura da fazenda Jasmim Agropecuária, que pertence a Padilha, onde foram encontradas duas espingardas e uma motosserra. Procuradas, as defesas de Tozzati e Padilha não foram encontradas para comentar o assunto. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.