Mortes misteriosas em zôo de Montes Claros

A gerência do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) em Minas determinou a interdição do zoológico de Montes Claros, na região norte do Estado. O órgão ambiental determinou o fechamento do local para a visitação pública, depois que pelo menos seis veados morreram nos últimos dois meses em circunstâncias ainda não explicadas. O Ibama alegou também que a prefeitura do município não tomou as medidas necessárias que haviam sido determinadas. Abióloga Beatriz Boschi, analista ambiental e responsável pelo setor de zoológicos da gerência do instituto, disse que a medida foi tomada por precaução, mas salientou que a visitação pública somente será liberada após nova análise de relatórios sobre as condições de funcionamento do zoológico.Em 2002, técnicos do Ibama fizeram uma vistoria no local, mas até agora não foram feitas as mudanças recomendadas.O secretário municipal de Meio Ambiente de Montes Claros, Pedro Narciso, admitiu que na vistoria realizada há dois anos, o Ibama fez ?certas exigências que a prefeitura não teve condições de atender?. Ele reconheceu também que o zoológico, construído há dez anos, necessita de mudanças. Ontem, técnicos do Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA) coletaram amostras dos veados mortos, que foram enviadas para análise em laboratórios de Belo Horizonte. Um laudo só deverá ser divulgado num prazo de 10 a 15 dias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.