Reprodução/TV Globo
Reprodução/TV Globo

Morre o jornalista Artur Almeida, apresentador do MGTV

Familiares contaram que ele chegou a ser socorrido, mas morreu a caminho do hospital

Rene Moreira, Especial para O Estado

25 de julho de 2017 | 11h48

FRANCA - O jornalista Artur Almeida, de 57 anos, morreu na noite desta segunda-feira, 24, vítima de uma parada cardiorrespiratória. Ele vinha apresentando MGTV 1ª Edição, da TV Globo, e estava de férias em Portugal. Familiares contaram que ele chegou a ser socorrido, mas morreu a caminho do hospital.

Almeida dividia a bancada do na TV com a jornalista Isabela Scalabrini. Segundo a emissora, além de apresentar o MGTV, ele era editor-chefe e estava na empresa há mais de 20 anos, tendo deixado mulher e três filhas.

Repercussão. A morte do jornalista repercutiu e não faltaram mensagens nesta terça-feira, 25, nos aplicativos e redes sociais.

"Eu tô arrasada... não quero acreditar! Ele sabia o quanto eu o admirava. Quem vai me chamar de veranico.. de chuvisco.. e me encher de apelidos e agora?? Ele era engraçado.. bem humorado.. Um cara sensacional!! Não é possível...", declarou Carina Pereira, do Globo Esporte Minas, ao postar uma foto ao lado do colega de trabalho. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.