Morre Maurício Corrêa, ex-presidente do STF, aos 77 anos em Brasília

'O mundo jurídico está de luto', declarou o presidente da OAB, Ophir Cavalcante

Mariângela Gallucci, de O Estado de S.Paulo

17 de fevereiro de 2012 | 20h19

BRASÍLIA - Faleceu nesta sexta-feira, 17, o ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Maurício Corrêa, que também foi ministro da Justiça no governo Itamar Franco. Ele morreu hoje em Brasília aos 77 anos. O falecimento foi confirmado nesta noite pelo STF e também pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). A causa da morte ainda não foi divulgada.

"O mundo jurídico está de luto pela morte do ministro Maurício Correa. Ele esteve a frente da OAB do Distrito Federal em um momento crítico da história do País, enfrentando a truculência do governo militar com altivez e coragem", disse o presidente da OAB, Ophir Cavalcante.

Maurício Corrêa nasceu em São João do Manhuaçu (MG) em 1934. Tornou-se bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais pela Faculdade de Direito de Minas Gerais, na turma de 1960. Em 1986, foi eleito senador pelo Distrito Federal.

Foi nomeado ministro do Supremo Tribunal Federal em 27 de outubro de 1994, na vaga decorrente da aposentadora do ministro Paulo Brossard, e tomou posse em 15 de dezembro de 1994. Em abril de 2003, foi eleito presidente do STF, tomando posse em Sessão Solene realizada na data de 5 de junho seguinte. Atingiu a idade limite para permanência na atividade em 9 de maio de 2004.

Tudo o que sabemos sobre:
STFMaurício Corrêamorte

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.