HELVIO ROMERO/ESTADÃO
HELVIO ROMERO/ESTADÃO

Moro assume oficialmente coordenação da área de Justiça e Segurança da transição

Ex-juiz foi designado pelo ministro extraordinário da Transição, Onyx Lorenzoni

Luci Ribeiro e Luisa Marini, especial para o Estado, O Estado de S.Paulo

20 Novembro 2018 | 09h37

BRASÍLIA - O ex-juiz e futuro ministro da Justiça do governo de Jair Bolsonaro, Sérgio Moro, está nesta terça-feira, 20, no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) em Brasília, onde estão instalados os gabinetes de transição, para seu primeiro dia como coordenador do Grupo Técnico de Justiça, Segurança e Combate à Corrupção do Gabinete de Transição Governamental. O novo cargo foi publicado nesta terça no Diário Oficial da União (DOU). 

O ministro extraordinário da Transição, Onyx Lorenzoni, também delegou a Moro a atribuição de requisitar informações dos órgãos e entidades da Administração Pública Federal, assim como apoio técnico administrativo necessário ao desenvolvimento dos trabalhos da transição. 

As decisões constam de portarias publicadas no Diário Oficial da União (DOU) de hoje. Moro foi exonerado nesta segunda-feira, 19, do cargo de juiz na Justiça Federal e será o ministro da Justiça no governo de Jair Bolsonaro.

Lorenzoni ainda trocou a função de Arthur Bragança de Vasconcelos. Agora, ele irá coordenar o Grupo Técnico de Cidadania do Gabinete de Transição e não mais a área de Saúde, Previdência e Desenvolvimento Social.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.