Moradores consideram Indaiatuba uma cidade completa

Município do interior paulista é o melhor colocado no Estado em gestão segundo o Índice Firjan de Gestão Fiscal; no país, a cidade ocupa a nona posição, com nota de 0,8513

José Maria Tomazela, O Estado de S. Paulo

18 de junho de 2015 | 18h02

Sorocaba - Os moradores consideram Indaiatuba, de 226,6 mil habitantes, no interior de São Paulo, uma cidade completa. Sem favelas, com asfalto em todas as ruas, ciclovias e muitas áreas verdes, a cidade deixa orgulhosa a professora Eliana Bueno, de 49 anos, diretora de uma escola pública que acaba de ser classificada entre as melhores do Estado no Índice de Desenvolvimento da Educação de São Paulo (Idesp). "Estamos a 15 minutos de Campinas, meia hora de Sorocaba e a uma hora de São Paulo, mas a gente não precisa sair daqui para nada", diz.

Indaiatuba é o município paulista melhor colocado no Estado em gestão segundo o Índice Firjan de Gestão Fiscal. No país, a cidade ocupa a nona posição, com nota de 0,8513. "Não é surpresa, pois há anos trabalhamos com planejamento que nos permite investir no lugar certo", disse o prefeito Reinaldo Nogueira (PMDB). A cidade cresce ao ritmo de 4,1% ao ano e se tornou polo industrial importante, abrigando grandes empresas, como a Toyota, a John Deere e a Unilever. A receita anual realizada pela prefeitura é de R$ 600 milhões e o PIB per capita está em R$ 30 mil. 

Não há desemprego e a cidade tem grande cobertura virtual, com internet grátis em pontos de ônibus, rede básica de saúde e rede escolar informatizadas. "Os pais acompanham a vida escolar do filho pela internet e agora estamos lançando um sistema de reforço em que os pais participam de casa, pela rede", conta o prefeito. Também pela rede, os pacientes acompanham exames e consultam medicamentos disponíveis. Indaiatuba está próxima de vencer a crise hídrica que, em 2014, afetou a região. Foi concluída uma barragem no Rio Piraí e o lago, em fase de enchimento, vai armazenar 1,3 bilhão de litros.


Tudo o que sabemos sobre:
FirjanIndaiatubamunicípios

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.