Missa de 7 anos da morte de Covas é celebrada amanhã

A Fundação Mario Covas celebra amanhã, às 11 horas, no Mosteiro de São Bento, no centro de São Paulo, a missa de sete anos da morte do ex-governador Mário Covas. A celebração será realizada por d. abade Mathias Toletino Braga, da Ordem de São Bento, superior do mosteiro, e terá a participação da cantora Fortuna e dos monges beneditinos. O presidente da fundação, Antonio Carlos Rizeque Malufe, disse que "há sete anos, São Paulo e o Brasil perdiam um de seus maiores líderes", portanto, "lembrar a sua morte é celebrar a sua vida". Santista, Covas foi duas vezes governador do Estado e um dos fundadores do MDB, único partido de oposição durante o regime militar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.