Miro e Anatel terão de explicar reajuste na Câmara

O líder do governo na Câmara, Aldo Rebelo, anunciou que o ministro das Comunicaçõs, Miro Teixeira, e o presidente da Anatel, Luiz Guilherme Schymura, serão chamados à Comissão de Defesa do Consumidor para dar esclarecimentos sobre os elevados porcentuais de aumento das tarifas de telecomunicações. A partir daí, o líder acredita que a Câmara poderá adotar providências ao que considera ser "abuso" num momento em que toda a sociedade tem colaborado para atravesser a atual fase difícil do País. "Isso (o reajuste) tem que ser caracterizado como abuso. E se o governo pede a contribuição de toda a sociedade, não há porque a Anatel acreditar que pode agir à revelia de tudo isso", disse.Aldo Rebelo afirmou que não tem intenção de assumir uma postura autoritária. Ele explicou que seu motivo é conseguir a revisão do reajuste sem que isso implique quebra de contrato.Leia também: » Impacto de reajuste deve ser menor que 1%, diz Meirelles » Genoíno nega constrangimento com reajuste de telefones » BrT e Telemar publicam novas tabelas de preços » Presidente da Anatel diz que não afrontou Lula » Governo respeitará os contratos com as teles, diz Palocci » Lula pede a Anatel que só conceda reajuste após negociação » Telefônica antecipa à Agência Estado que aumento será de 28,7%, de uma só vez

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.