Ministros não comentam reunião com Dilma

Com foco eleitoral, presidente convocou reunião com 14 ministros para discutir cronograma de entrega de obras federais

Laís Alegretti, Bernardo Caram e Eduardo Bresciani, Agência Estado

02 de novembro de 2013 | 17h13

BRASÍLIA - Os ministros dos Transportes, César Borges, do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, da Educação, Aloizio Mercadante, e de Minas e Energia, Edison Lobão, deixaram no fim da tarde deste sábado, 2, o Palácio da Alvorada, em Brasília. Eles participaram da reunião de ministros das áreas social e de infraestrutura com a presidente Dilma Rousseff, para discutir o cronograma de entrega de obras federais.

O encontro começou antes das 10 horas da manhã de hoje. Estes quatro ministros foram os primeiros a deixar a reunião e não pararam para falar com a imprensa.

A presidente Dilma Rousseff convocou a reunião ministerial no Palácio da Alvorada com 14 dos seus 39 ministros com o objetivo de elaborar uma estratégia de ação para os próximos meses. Ela quer acelerar obras e cumprir uma agenda com o objetivo de rebater críticas de opositores e prováveis adversários na sucessão presidencial do ano que vem.

Tudo o que sabemos sobre:
Dilma

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.