Andre Deusek/Estadão
Andre Deusek/Estadão

Ministro Fux se diz perplexo e surpreso com prisão de Delcídio

Para magistrado, senador sempre teve um 'bom perfil humano', mas 'demonstrou uma falha da personalidade'

Gustavo Aguiar, O Estado de S.Paulo

26 Novembro 2015 | 15h44

BRASÍLIA - O ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), disse nesta quinta-feira, 26, que ficou perplexo e surpreso com a prisão do senador Delcídio Amaral (PT-MS), ontem, pela Polícia Federal. Segundo ele, o senador sempre teve um “bom perfil humano”, mas que a conduta dele “demonstrou uma falha da personalidade”.

“Para mim, foi uma perplexidade pela figura que o senador Delcídio sempre representou”, afirmou o ministro. Fux também se disse frustrado. “É uma surpresa. Deu até um sentimento de frustração, porque ele é uma figura emblemática, um homem com um bom perfil humano. Mas isso demonstrou uma falha da personalidade.”

Fux considera que a decisão do Senado em manter Delcídio preso mostra como a Casa irá agir em casos semelhantes. “Acho que o Senado deu um exemplo de como a instituição quer seguir de agora em diante”.

Delcídio Amaral foi preso ontem suspeito de atrapalhar as investigações da Polícia Federal no âmbito da Lava Jato. Ele tentou comprar o silêncio do ex-diretor da Petrobrás, Nestor Cerveró, para ser poupado na delação premiada do ex-funcionário da estatal firmada com a Polícia Federal. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.