Ministro do STJ concede salvo-conduto a jornalista do <i>NYT</i>

O ministro Peçanha Martins, do Superior Tribunal de Justiça (STJ) concedeu hoje salvo conduto ao jornalista americano Larry Rohter. O salvo conduto garante ao correspondente do New York Times no Brasil o direito de ficar no Brasil até o julgamento do habeas corpus encaminhado ao STJ pelo senador Sérgio Cabral (PMDB-RJ), que pede a suspensão da decisão do governo de cancelar o visto de permanência de Larry. Peçanha Martins deve dar entrevista hoje à tarde para explicar sua decisão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.