Ministro debate proteção a testemunhas no ES

O ministro da Justiça, Paulo de Tarso Ramos Ribeiro, estará hoje em Vitória, no Espírito Santo, para discutir a importância do programa de proteção a testemunha como estratégia no combate ao crime organizado. A viagem, que ocorre 12 dias após o anúncio da missão especial para lutar contra a criminalidade no Estado, indica o apoio do governo federal ao projeto. Além da abertura do seminário sobre proteção a testemunhas e assistência a vítimas de violência, o ministro se reunirá com a coordenação da missão para combater o crime organizado, às 11 horas, e com o governador capixaba, José Ignácio, às 12 horas. O ministro estará acompanhado do secretário de Estado dos Direitos Humanos, Paulo Sérgio Pinheiro, e do secretário-executivo do Ministério, Celso Campilongo. O seminário, que se estende até o dia 25, é voltado para representantes do Judiciário capixaba, do Ministério Público, da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e de entidades civis. Serão abordados o funcionamento e a estrutura do Centro de Apoio a Vítimas de Crimes, instalado no Espírito Santo em fevereiro deste ano.

Agencia Estado,

24 Julho 2002 | 09h50

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.