Ministério do Trabalho vai concluir "grande fiscalização" em Unaí

Ochefe da Delegacia Regional do Trabalho em Minas Gerais (DRT-MG), Carlos Calazans, informou hoje que os agentes doMinistério do Trabalho deverão concluir nos próximos dias uma ?grande fiscalização? em propriedades rurais na região de Unaí, nonoroeste de Minas Gerais. Calazans evitou dar detalhes da operação para não atrapalhar os trabalhos dos agentes fiscais, ainda emcurso. Segundo ele, a região passou a merecer uma atenção ?especial? da DRT-MG após o assassinato dos três fiscais e domotorista do órgão, no dia 28 de janeiro.Desde a chacina de Unaí, toda a fiscalização na zona rural do Estado, de acordo com Calazans, está sendo feita com apresença de policiais. ?Eu acredito que com a elucidação do crime e a prisão dos suspeitos, cai um pouco o mito da impunidade entre ospoderosos da região, que ainda nos preocupa muito?, disse o chefe da DRT-MG.A Polícia Federal e a Polícia Civil de Minas Gerais investigam o envolvimento de um mandante dos crimes. A suspeitarecai sobre fazendeiros que teriam sido prejudicados pela rigorosa atuação profissional do fiscal Nelson José da Silva, apontadocomo o alvo principal dos assassinos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.