Mínimo de R$ 260 terá 35 votos do PP, diz líder

O líder do PP, deputado Pedro Henry (MT), disse que dos 54 parlamentares da bancada, 35 votam com o governo a favor da medida provisória que reajusta o salário mínimo. Pelos cálculos que ele apresentou hoje ao ministro da Coordenação Política, Aldo Rebelo, 49 deputados do PP estão em Brasília e cinco estão doentes. Henry mostrou-se otimista e desvinculou a aprovação do salário mínimo da liberação de recursos do orçamento para emendas parlamentares."Estou mais preocupado com o jogo do Brasil que com a votação do mínimo", disse o deputado. A previsão dos líderes governistas é de que a votação ocorrerá por volta das 17 horas. O líder do governo na Câmara, professor Luizinho (PT-SP), também está confiante. "Acredito que teremos uma votação superior ao que estou imaginado", disse, preferindo não falar em números de votos. O governo também está otimista na atuação dos líderes junto às bancadas. Por isso, o ministro Aldo Rebelo passou esta manhã em visitas aos gabinetes das lideranças dos partidos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.