Minas colabora com plano de segurança em Alagoas

O secretário-adjunto de Defesa Social de Minas Gerais, Luiz Flávio Sapore, reuniu-se nesta sexta-feira em Maceió com a equipe de transição do governador eleito, Teotônio Vilela Filho (PSDB), para colaborar no plano de ação de segurança pública em Alagoas. De acordo com Sapore, o contato serviu para iniciar cooperação entre ambos os governos no combate à criminalidade. Sociólogo com pós-graduação em segurança pública, Sapore informou que o plano vai basear-se em três pontos: integração entre as polícias, atenção especial ao sistema prisional e combate ao crime organizado. Segundo ele, é necessário, além disso, equipar melhor as polícias, remunerar bem os policiais e trabalhar de modo integrado com o Poder Judiciário. Sapore afirmou ainda que o envolvimento de agentes públicos em ações criminosas é a principal característica do crime organizado. Daí a necessidade de, no combate a esse tipo de crime, o governador "ter coragem e disposição", concluiu. O secretário-adjunto lembrou que o plano já foi posto em prática em Minas Gerais. Agora, será adotado também em Alagoas, com o governador eleito Teotônio Vilela Filho, adiantou Sapore.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.