André Dusek|Estadão
André Dusek|Estadão

Meu voto está alicerçado sobre evidências robustas, diz Waldemir Moka

Senador, que votou a favor do afastamento, disse que Dilma entregará 'esqueleto de R$ 250 bilhões'

Gustavo Porto e Luísa Martins, O Estado de S. Paulo

11 de maio de 2016 | 21h01

O senador Waldemir Moka (PMDB-MS) dedicou boa parte do seu tempo de fala para elogiar o governo de Fernando Henrique Cardoso. "O PT recebeu um país com situação normalizada, com respeito internacional e indicadores econômicos estáveis, com inflação controlada e oferta de emprego", disse.

Ele afirmou que o Senado é a instituição soberana para a decisão do impeachment e que seu voto a favor do impeachment está alicerçado sobre evidências robustas. "O Brasil precisará começar do zero para reconquistar os avanços iniciados a partir da edição do Plano Real".

"Caso impeachment seja aprovado, Dilma entregará um esqueleto de R$ 250 bilhões. Não percamos de vista os maus exemplos deste governo", afirmou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.