Metade das cidades com 2º turno tem petistas na briga

Candidatos do PT lideram pesquisas em várias disputas, mas nas capitais desempenho é ruim

José Maria Tomazela, O Estadao de S.Paulo

26 de outubro de 2008 | 00h00

O PT tem candidatos a prefeito em 50% das cidades com mais de 200 mil eleitores que voltam às urnas hoje em todo o País. O partido do presidente Luiz Inácio Lula da Silva está na disputa em 15 das 30 cidades, entre elas três importantes capitais: São Paulo, Porto Alegre e Salvador. O PMDB concorre a 12 prefeituras e o PSDB tem candidatos a prefeito em 10 municípios. Outros nove partidos estão na disputa em um número menor de cidades. Não está incluída a eleição em Benedito Leite (MA), que repete o primeiro turno, anulado pela Justiça Eleitoral.As pesquisas do Ibope colocam os candidatos petistas na frente em quatro disputas, mas nas capitais o desempenho não é bom. Nas intenções de voto, o PT está atrás na capital paulista, em Porto Alegre e, segundo pesquisa divulgada ontem, também em Salvador. Na capital baiana, o petista Walter Pinheiro foi ultrapassado pelo peemedebista João Henrique.Além da capital, o PT disputa as quatro prefeituras da região metropolitana de São Paulo. Também concorre em São José do Rio Preto, no interior. No primeiro turno, o PT fez o maior número de grandes prefeituras. Venceu em 12 cidades com mais de 200 mil votantes, entre elas seis capitais - Fortaleza, Recife, Porto Velho, Vitória, Palmas e Rio Branco. Com o resultado, igualou o número de capitais que já administra. No primeiro turno, elegeu 548 prefeitos.O PMDB já entra no segundo turno como o partido que mais elegeu prefeitos no Brasil. Na primeira votação, ganhou em 1.194 prefeituras, entre elas 10 cidades com mais de 200 mil eleitores. Entre as capitais, teve candidatos vencedores em Goiânia e Campo Grande. Agora, aparece como a segunda força eleitoral do segundo turno, mas tem a vantagem de ainda disputar o maior número de cidades sedes de governo.Das 11 capitais que voltam às urnas, o PMDB tem candidatos em seis. As últimas pesquisas do Ibope mostram peemedebistas na frente em Porto Alegre, Salvador e Florianópolis. No Rio de Janeiro e em Belo Horizonte, disputam em situação de equilíbrio com os concorrentes. O PMDB concorre, ainda, à Prefeitura de Belém.O PSDB teve o segundo melhor desempenho entre os partidos no primeiro turno, com a eleição de 781 prefeitos. Venceu em nove centros urbanos com mais de 200 mil eleitores, entre eles duas capitais: Curitiba e Teresina. Agora, tenta dobrar o número de capitais, com as chances de vitória em São Luís e Cuiabá. Nas duas cidades, seus candidatos estão na frente dos concorrentes nas pesquisas de intenção de voto.RECUPERAÇÃOO PSB, que elegeu no primeiro turno os prefeitos de João Pessoa, capital da Paraíba, e de Boa Vista, capital de Roraima, volta à disputa em seis cidades. Entre as capitais, a disputa está embolada em Macapá, de acordo com pesquisa do Ibope, mas seu candidato aparece em desvantagem em Manaus. Em Belo Horizonte, o instituto mostra que o candidato do partido, Márcio Lacerda, se recuperou e ultrapassou numericamente o peemedebista Leonardo Quintão. Considerada a margem de erro, há empate.O PTB, que elegeu 413 prefeitos no primeiro turno, mas não conseguiu vitória em grandes cidades, terá um novo teste agora, com a disputa em duas capitais no Norte - Manaus e Belém - e em outras duas cidades. Nas duas capitais, seus candidatos estão na frente, indicam as últimas pesquisas. O DEM e o PDT conquistaram quatro prefeituras cada no primeiro turno, mas não ganharam capitais. Agora, o DEM está em duas disputas e lidera em São Paulo. O partido tem 494 prefeitos eleitos. O PDT igualou a corrida pela capital do Amapá. Em sua única disputa, o PV tem Fernando Gabeira empatado com o peemedebista Eduardo Paes na corrida do Rio. No primeiro turno, o partido elegeu o prefeito de Natal .Depois de ganhar três prefeituras, entre elas a de uma capital, Maceió, o PP concorre em outras três cidades - a pesquisa Ibope aponta seu candidato, Esperidião Amin, em segundo lugar na capital de Santa Catarina. O PC do B, que elegeu o prefeito de Aracaju, capital sergipana, e de Olinda , concorre agora em São Luís. O candidato do PR está em segundo em Cuiabá e disputa em Vila Velha.Dos 60 candidatos que concorrem ao segundo turno, seis são mulheres. As Prefeituras de Contagem, Juiz de Fora, Porto Alegre e São Paulo estão sendo disputadas por candidatas do PT. Já as prefeituras de Campos dos Goytacazes e Anápolis estão sendo disputadas por candidatas do PMDB. Em Benedito Leite, a eleição do primeiro turno será reeditada com a participação dos mesmos candidatos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.