Mesmo sob suspeita, Lobão Filho assume o mandato de senador

Suspeito de irregularidade com impostos; eleassume lugar do pai, nomeado ministro de Minas e Energia

Rosa Costa, de O Estado de S.Paulo

30 de janeiro de 2008 | 16h04

O suplente de senador Edison Lobão Filho assumirá o mandato nesta quarta-feira, 30, às 17 horas, em lugar do pai, Edison Lobão, que se licenciou ao assumir o cargo de ministro de Minas e Energia. Como o Congresso está de recesso até depois do carnaval, a cerimônia não será no plenário, e sim no gabinete do presidente do Senado, senador Garibaldi Alves (PMDB-RN). O novo senador assume sob suspeita de envolvimento em irregularidades: é acusado de sonegação de impostos. A posse dele é possível, porque, pelas normas do Congresso, não são impeditivas acusações referentes a atos anteriores à posse no mandato de senador.

Tudo o que sabemos sobre:
Lobão FilhoMinas e Energia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.