Mesmo com morte de irmão, Lula não deve ir a SP hoje

Assessores do presidente Luiz Inácio Lula da Silva informaram, no final da noite de ontem, que não havia previsão oficial de alteração na agenda presidencial de hoje em razão da morte de um irmão dele, João Inácio da Silva Neto, ocorrida em São Paulo. Na capital mineira, outros integrantes da comitiva presidencial disseram que Lula não deve ir hoje a São Paulo para o velório ou enterro do irmão. O presidente segue na manhã de hoje para Ouro Preto (MG), onde participa da reunião da cúpula do Mercosul, retornando a Brasília às 17h15. A versão mais recente da agenda de Lula, distribuída ontem à noite, acrescentava um compromisso à programação que havia sido divulgada no meio da tarde: um jantar de confraternização com ministros e assessores na Granja do Torto a partir das 20 horas. Na capital mineira, integrantes da comitiva presidencial disseram que Lula não deve mesmo ir hoje a São Paulo para o velório ou enterro do irmão. Segundo a agenda oficial, em Ouro Preto, o presidente participa da Reunião de Cúpula do Mercosul às 10 horas no Centro de Convenções. Após o encontro (13h45), no Museu da Inconfidência, Lula oferece um almoço aos chefes de Estado estrangeiros participantes do fórum. Os ministros Roberto Rodrigues, da Agricultura, e Patrus Ananias, do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, estarão presentes. Às 15h30 o presidente retorna a Belo Horizonte, de onde embarca para Brasília. Às 20 horas, na Granja do Torto, haverá o tradicional jantar de Natal, oferecido pelo presidente aos ministros e assessores.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.