Merkel deve sofrer derrota em eleições de Estado alemão-pesquisa

Os conservadores do partido da primeira-ministra Angela Merkel tendem a sofrer uma forte derrota neste domingo em uma eleição no estado mais populoso da Alemanha, mostraram pesquisas de boca de urna, em um resultado que pode dar força à esquerda de oposição a aumentar as críticas às medidas de austeridade na Europa apoiadas pela chanceler.

REUTERS

13 de maio de 2012 | 13h40

A eleição na Renânia do Norte-Vestfália, estado no oeste da Alemanha com uma população maior que a da Holanda e uma economia do tamanho da Turquia, foi realizada 18 meses antes das eleições nacionais nas quais Merkel deve lutar por um terceiro mandato.

A chanceler continua popular em casa por seu manejo firme da crise dívida na zona do euro, mas a magnitude da derrota de seu partido representa um duro golpe sobre que pode afetar o cenário político alemão e deixá-la mais vulnerável às críticas domésticas.

De acordo com uma pesquisa de boca de urna realizada para o canal de televisão público ARD, os sociais democratas de centro-esquerda do SPD venceram 39 por cento dos votos e terão o suficiente para formar uma maioria estável com os Verdes, que conquistaram 12 por cento.

Os dois partidos de esquerda lideraram uma minoria frágil no governo nos últimos dois anos, sob o comando do líder popular do SPD, Hannelore Kraft, cuja decisiva vitória no domingo pode impulsionar sua proeminência nacional.

Os cristãos democratas do CDU, partido de Merkel, viram o apoio ao partido cair para apenas 26 por cento, abaixo dos quase 35 por cento em 2010, e o pior resultado no estado desde a Segunda Guerra Mundial.

Os Democratas Livres do FDP, um partido pró-negócios que faz parte da coalizão com os conservadores de Merkel em nível federal, pareciam ter feito uma volta à assembleia estadual, o que muitos entenderão como uma recuperação do partido depois de um colapso no apoio nos últimos anos.

Os novatos Piratas, um novo partido que luta pela liberdade na internet, continuou sua forte corrida no nível regional, conquistando o seu quarto parlamento estadual, mostram as pesquisas.

(Texto de Noah Barkin)

Tudo o que sabemos sobre:
GERALMERKELPESQUISA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.