Mercadante pede a FHC que desça do palanque

O líder do governo no Congresso, senador Aloizio Mercadante (PT-SP), afirmou que o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso está retomando "o discurso da campanha eleitoral", quando disse que o Brasil poderia se transformar em uma Argentina caso o PT viesse a ganhar as eleições presidenciais. "Reivindico o Fernando Henrique da transição (de governo), reivindico a majestade do cargo que o presidente José Sarney soube exercer muito bem todos estes anos", disse Mercadante. Para o líder, a agenda do debate deve ser as medidas que podem dar sustentabilidade às condições favoráveis da economia, como o superávit comercial e o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB). "A questão é a sustentabilidade. Essas palavras pequenas não enriquecem o debate e nem a biografia dele", disse se referindo às declarações de ontem do ex-presidente, que chamou o atual governo de incompetente."Precisamos descer do palanque. Terminada a campanha, precisamos ter uma agenda do crescimento, do desenvolvimento", disse Mercadante. "Não podemos antecipar 2006, que precisa ter um calendário eleitoral na hora certa", concluiu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.