Mercadante diz que teria votado em Aécio - no 2º turno

O deputado Aloizio Mercadante (PT-SP) desejou nesta quarta-feira "boa sorte"ao novo presidente da Câmara, Aécio Neves (PSDB-MG), e admitiu que, se houvesse segundo turnona eleição, teria votado no tucano. Mercadante, que entrou na disputa somente na semana passada, comemorou os 81 votos que recebeu das bancadas do PT, PDT, PC do B e PV. O bloco votou unido. "É um sinal de que a oposição também poderá caminhar junta na eleição presidencial de2002", apostou.O PSB de Miguel Arraes e o PPS de Ciro Gomes fecharam com Aécio. O acordo já estava firmadoquando Mercadante lançou sua candidatura."Agora, vamos trabalhar para incorporar o PSB em nosso projeto", avisou o petista. O líder do PDT na Câmara, Miro Teixeira (PDT-RJ), fez coro com o colega. "Será um erro terrível sairmos divididos em várias candidaturas ao Planalto", argumentou. Na avaliação do PT e do PDT, a fratura na base de sustentação do governo, com a derrota do PFL no Congresso, acabará beneficiando a oposição. "O PFL está na noite de São Bartolomeu, enquantonós fizemos barba, cabelo e bigode: não tivemos traição nem punhalada", disse Mercadante.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.