Mercadante diz que PT pedirá reabertura da CPI dos Correios

O líder do governo no Senado, Aloizio Mercadante (PT-SP), anunciou que o PT vai apresentar ainda nesta quarta-feira à Mesa da Câmara um recurso pedindo a reabertura da CPI Mista dos Correios para que possam ser votados os 41 destaques pendentes. Mercadante disse que, apesar de se tratar de uma CPI mista, o Regimento permite que o recurso seja encaminhado à Câmara, que está tendo sessão neste momento. "Vamos agilizar, na Câmara", anunciou Mercadante.Na avaliação do senador, é "inadmissível" o fato de o presidente da CPI, senador Delcídio Amaral (PT-MS), não ter respeitado o direito dos parlamentares de votar os destaques. "O presidente da CPI não respeitou o Regimento da Câmara, e a votação do relatório não está concluída. Ainda faltam os destaques", afirmou Mercadante.Ele disse que o relator da CPI, deputado Osmar Serraglio (PMDB-PR), tirou nomes da lista de pedidos de indiciamentos, e o PT não concorda, motivo pelo qual é necessário que se votem os destaques. "É uma radicalização absolutamente desnecessária", completou, referindo-se à atitude de Delcídio Amaral.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.