Mercadante dá pausa na política

A três dias do fim do recesso, o líder do PT, Aloizio Mercadante (SP), só queria ontem festejar. "Hoje não é dia para falar de política", disse, à noite, em sua primeira aparição desde que emitiu nota, em nome da bancada, pedindo a licença de José Sarney.A fala foi feita na porta da Igreja Nossa Senhora do Brasil, na capital paulista, antes da cerimônia religiosa de casamento do seu filho Pedro. "Não vem nenhum político aqui. A festa é do Pedro, ele convidou quem quis." A única exceção foi o colega de partido Eduardo Suplicy (SP). Assim que retornar, Mercadante deve discutir o caso Sarney com a bancada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.