Mensalão: STF nega a Delúbio suspensão de processo

O Supremo Tribunal Federal (STF) negou hoje a liminar em habeas-corpus em que o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares tentava suspender a ação que investiga o chamado esquema do mensalão. A defesa alegou que seu cliente só poderia ser denunciado por gestão fraudulenta se tivesse exercido a administração de instituição financeira. Além disso, argumentou que não existe "nenhum fato plausível ou concreto" para a acusação de falsidade ideológica. Segundo o STF, o ministro Gilmar Mendes, vice-presidente no exercício da presidência do Supremo, entendeu que a denúncia questionada descreve, em tese, a prática dos crimes ?indicando as circunstâncias em que (Delúbio) teria participado para a consumação dos atos supostamente ilícitos?.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.