Mensalão: STF abre processo contra Roberto Jefferson

O Supremo Tribunal Federal (STF) acatou o voto do relator, ministro Joaquim Barbosa, favorável à abertura de processo por participação no escândalo do mensalão contra o deputado cassado Roberto Jefferson. Também serão processados dois membros do PTB e o ex-ministro dos Transportes Anderson Adauto. Jefferson, o ex-deputado Romeu Queiroz e o ex-tesoureiro do PTB Emerson Palmieri serão processados por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. O Supremo aceitou abrir processo contra Adauto por corrupção ativa. Ele já era processado por lavagem de dinheiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.