Mensalão: STF abre processo contra políticos do PL

O plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) acompanhou o voto do relator, ministro Joaquim Barbosa, que aceita o pedido de abertura de processo contra políticos do extinto Partido Liberal (PL) acusados de fazer parte do esquema do mensalão. Os ministros foram unânimes em aprovar a abertura de processo por corrupção passiva contra o ex-presidente do PL Valdemar Costa Neto, o ex-deputado Bispo Rodrigues e contra Jacinto Lamas, apontado como tesoureiro do partido. Os ministros também foram unânimes em acatar a abertura de processo por lavagem de dinheiro contra Costa Neto, Bispo Rodrigues, Jacinto Lamas e seu irmão Antonio Lamas. O STF também aceitou a abertura de processo por formação de quadrilha contra Costa Neto, Jacinto e Antonio Lamas. Neste caso, não houve unanimidade porque o ministro Ricardo Lewandowski não aceitou a tipificação como formação de quadrilha.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.