Menos de 70% dos eleitores já fizeram biometria obrigatória em São Paulo

Menos de 70% dos eleitores já fizeram biometria obrigatória em São Paulo

Preocupação maior do TRE é com atraso dos eleitores em Guarulhos, onde cadastro digital é obrigatório

José Maria Tomazela, O Estado de S.Paulo

13 Março 2018 | 19h43

SOROCABA – Das 84 cidades paulistas onde os eleitores só poderão votar com biometria nas eleições deste ano, 32 estão com percentual abaixo de 70% de eleitores que já fizeram o cadastro biométrico, conforme levantamento do Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Se o prazo terminasse hoje, quase 400 mil eleitores - cerca de 32,9% do eleitorado que é obrigado a ter o cadastro digital -, teriam o título cancelado.

+++ Biometria já atinge mais da metade dos eleitores do País

O cadastramento vai até o dia 27 deste mês, mas em nove municípios o prazo termina antes. Em Araçoiaba da Serra, Botucatu, Guarulhos, Itatinga, Pardinho, Salto de Pirapora, Sorocaba, Várzea Paulista e Votorantim, o prazo vai até o próximo dia 23. Em Nova Independência, a biometria foi realizada no ano passado, com 84,6 de adesão dos 3.456 eleitores. A cidade com maior atraso, segundo o TRE, é Ocauçu, onde apenas 47,3% dos 3.457 já se cadastraram. O processo está mais adiantado em Piacatu, com a adesão de 88,3% dos 4.481 votantes.

+++ Envelhecimento do eleitorado explica 1/4 da abstenção

A preocupação maior do tribunal é com o índice de Guarulhos. No segundo maior colégio eleitoral paulista, com 936.689 eleitores, apenas 67,9% fizeram a biometria. De acordo com o TRE, o Estado de São Paulo tem 32,9 milhões de eleitores, dos quais 38,8% já fizeram a coleta da digital. Cerca de 20 milhões de votantes, mais de 61% do eleitorado, ainda precisam atender à convocação para o cadastramento biométrico.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.