Menor é resgatado na Febem de Guarujá

O menor E.E.S., de 16 anos, foi resgatado hoje à tarde da unidade da Febem de Guarujá por quatro homens fortemente armados com pistolas semi-automáticas. Aproveitando a confusão, oito menores fugiram e até hoje à noite nenhum deles havia sido recapturado pela polícia.Tudo começou às 13h15, durante o horário de visitas, quando um homem chegou à portaria dizendo que iria ver um dos internos. Ao ser aberto o portâo, ele rendeu o vigia e possibilitou a entrada dos outros três membros do bando. Os demais vigias foram também rendidos e os homens seguiram direto para o 2º Pavilhão, onde se encontravam 22 menores que aguardam sentença judicial e são considerados de alta periculosidade.Os homens haviam chegado em duas motocicletas e um automóvel esperava a saída de E.E.S., que mora na Capital. Toda a operação durou poucos minutos e o menor - que estava detido por roubo qualificado em Praia Grande - foi resgatado sem maiores problemas. Outros oito internos, com idade variando entre 16 e 19 anos, aproveitaram a confusão e escaparam. Eles estavam recolhidos por homicídio, roubo, tráfico de drogas e porte de arma. A Unidade da Febem de Guarujá voltou a funcionar há cerca de três anos, em regime semi-aberto, e havia a promessa de que não receberia menores violentos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.