Melhora estado de saúde de Roberto Campos

O ex-senador Roberto Campos apresentou melhora acentuada. Ele continua na UTI da clínica São Vicente, na Gávea, zona sul, onde foi internado no dia 29 de julho, mas agora está numa área de tratamento semi-intensivo. De acordo com sua assessoria, os batimentos cardíacos, a temperatura e a pressão do economista estão normais. Seu estado de saúde, porém, ainda inspira cuidados e o risco de vida continua existindo. Campos, que tem 84 anos e é diabético, se recupera de uma obstrução intestinal e de um princípio de pneumonia. Em fevereiro de 2000, ele sofreu uma isquemia cerebral.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.