Melhor caminho é a retratação de Rother ou do NYT, diz líder

O líder do governo no Senado, Aloizio Mercadante (PT-SP), disse que a retratação do The New York Times ou do jornalista americano, Larry Rohter, sobre a matéria afirmando que suposto consumo exagerado de bebidas alcoólicas pelo presidente Lula estaria colocando em risco a governabilidade, seria o melhor caminho. "Nossa expectativa agora é que haja uma retratação, pois a imagem do presidente não pode ser arranhada. Espero o bom senso do The New York Times para rever essa situação", disse Mercadante, que participou nesta manhã de reunião com o presidente e líderes aliados, para tentar convencê-lo a rever a decisão de cancelar o visto do jornalista norte-americano. Segundo o senador, o presidente deixou claro que manterá sua posição, que está disposto a revê-la, mas que aguarda a posição do jornalista. Na conversa com os senadores, o presidente, segundo Mercadante, expressou profunda indignação com a matéria publicada pelo The New York Times e que o cancelamento do visto de permanência de Larry Rohter foi a única forma de expressar essa indignação. "O presidente tomou uma decisão consciente", disse Mercadante. Segundo o senador, o presidente disse que não poderia aceitar as insinuações, porque estavam atingindo a sua honra.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.