Meirelles rejeita convite para Senado no PMDB-SP

O ex-presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, hoje filiado ao PSD, não aceitou o convite do candidato do PMDB ao governo de São Paulo, Paulo Skaf, para disputar o Senado Federal em sua chapa majoritária. Meirelles fez o comunicado na noite deste domingo (29) aos dirigentes das duas siglas.

ELIZABETH LOPES, Agência Estado

30 Junho 2014 | 10h37

O PSD realiza nesta manhã sua convenção estadual onde irá ratificar o apoio ao PMDB de Paulo Skaf. A escolha pelo PMDB, divulgada com exclusividade pelo Broadcast Político na sexta-feira (27), deixa a legenda do ex-prefeito Gilberto Kassab alinhada com a aliança nacional que apoia a reeleição da presidente Dilma Rousseff. Paulo Skaf, que é presidente licenciado da Fiesp, deverá chegar à convenção estadual do PSD por volta das 12h.

Mais conteúdo sobre:
eleiçõesSPPMDBMierelles

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.