Meirelles diz que não decidiu se será candidato em GO

O presidente do Banco Central (BC), Henrique Meirelles, afirmou hoje que não há qualquer decisão tomada a respeito de uma eventual filiação partidária para uma candidatura sua ao governo de Goiás em 2010. Em seminário sobre o agronegócio, promovido pela Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás, Meirelles disse que este "não é o momento para estarmos preocupados com esse assunto". "Não há nesse momento nenhuma decisão tomada", afirmou ele, ao ser questionado sobre sua filiação ao PP (partido do atual governador do Estado, Alcides Rodrigues). Ele, no entanto, não negou que possa se tornar candidato no próximo ano.

FERNANDO NAKAGAWA, Agencia Estado

06 de julho de 2009 | 13h04

Meirelles disse repetidas vezes que está focado integralmente nos problemas da economia brasileira e "como ajudar o País a sair da crise com a volta do crescimento e geração de empregos para aumentar o padrão de vida da população".

Em entrevista coletiva após o evento, Meirelles foi questionado sobre as várias demonstrações de lideranças políticas locais pedindo a sua candidatura ao Palácio das Esmeraldas. "Isso é uma demonstração da generosidade do povo goiano com um homem da terra que está ajudando o Brasil, os brasileiros e Goiás, como parte do Brasil, ao estabilizar a economia." Segundo ele, a economia estável é importante para a criação de empregos. "Fico honrado com todas essas manifestações", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.