Meirelles diz a Suplicy que pode ir ao Senado explicar denúncias

O presidente do Banco Central,Henrique Meirelles, disse, por telefone, ao senador Eduardo Suplicy(PT-SP), que considera "positiva" a proposta decomparecer à Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), para esclarecer as denúncias de suposto envolvimento em sonegaçãofiscal. Segundo relatpou Suplicy, autor do pedido de comparecimento de Meirelles, o presidente do BC poderia aproveitar a audiência,inclusive, para expor os dados positivos da economia. Apesar da boa vontade, Meirelles não fixou data para comparecer ao Senado,afirmando que precisará conversar primeiro com o ministro da Fazenda, Antonio Palocci. Suplicy informou a Meirelles que já acertoucom o presidente da CAE, senador Ramez Tebet, a possibilidade de a audiência acont ecer na próxima terça-feira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.