Médicos afirmam que Dilma está livre do câncer

A ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, está "livre de qualquer evidência de linfoma", segundo nota divulgada nesta segunda-feira pelo Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, onde estava se tratando há alguns meses.

SOLANGE SPIGLIATTI, Agencia Estado

28 de setembro de 2009 | 12h07

A ministra esteve no hospital no último dia 24, quando se submeteu a diversos exames para avaliação de seu estado de saúde, após completar tratamento de quimioterapia e radioterapia contra um Linfoma Não-Hodgkin, detectado precocemente (Estádio IA).

Segundo o hospital, a avaliação, coordenada pela Dra.Yana Novis e pelos Drs. Paulo Hoff e Roberto Kalil Filho, revelou que após exaustivos testes foi constatado que o tratamento atingiu o resultado esperado e que a ministra está livre da doença.

Segundo a nota, o estado geral de saúde da ministra é excelente, podendo retornar para sua rotina normal.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.