Marta Suplicy publica mensagem em apoio a protestos e com críticas ao governo

Senadora petista, que negocia sua saída do partido, diz que presidente não consegue dar respostas às crises

Ricardo Galhardo, O Estado de S. Paulo

15 de março de 2015 | 13h58

São Paulo - A senadora Marta Suplicy (PT-SP), que negocia sua saída do PT para disputar a Prefeitura de São Paulo no ano que vem pelo PSB, postou um texto de apoio às manifestações deste domingo, 15, contra o governo Dima Rousseff nas redes sociais. Na mensagem, além de pedir que o protesto seja pacífico, Marta aproveitou para alfinetar Dilma que, segundo a senadora, "tem se mostrado incapaz de dar respostas a uma sucessão de crises".

O texto, segundo assessores, bateu o recorde de "curtidas" na página de Marta no Facebook mas também gerou uma onda de manifestações indignadas tanto de petistas, que a acusam de trair o partido, quanto de adversários de Dilma, que a criticam por militar durante 35 anos no partido da presidente.

Leia a íntegra da mensagem de Marta:

"Domingo que marca uma importante manifestação cívica dos brasileiros. Que seja pacífica e democrática. Protestos contra os equívocos e a inércia de um governo que se tem mostrado incapaz de dar respostas a uma sucessão de crises. Que saibam compreender a mensagem das ruas. Um bom domingo para o Brasil e os brasileiros!".

Tudo o que sabemos sobre:
Marta SuplicyprotestosDilma Rousseff

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.