Marta ignora desafio de Kassab para comparar gestões

Em campanha na zona norte, candidata do PT em SP desvia e não fala sobre proposta do candidato do DEM

Andréia Sadi, do estadao.com.br

04 de agosto de 2008 | 16h38

A candidata do PT à Prefeitura de São Paulo, Marta Suplicy, ignorou nesta segunda-feira, 4, o desafio do candidato do prefeito Gilberto Kassab (DEM) para comparar propostas nas diferentes gestões. "Olha, os debates estão acontecendo, se ele quer comparar propostas, o Estado de São Paulo tem um bom editorial hoje que pode responder", disse a candidata, que visitou o comércio do Largo do Japonês, na Vila Nova Cachoeirinha, na zona norte.   Veja Também: Kassab confronta Marta na saúde   O editorial do Estadão desta segunda avalia a atuação de Kassab e da ex-prefeita no projeto de recuperação do centro da cidade. "Na administração anterior, Marta desenvolveu o programa e conseguiu cumprir boa parte dele, mesmo antes de aprovado o empréstimo do BID", diz. O editorial diz que o "centro da cidade está sendo castigado pela descontinuidade na administração pública."   Acompanhada por assessores, Marta andou pela região por cerca de meia hora, cumprimentando comerciantes e ouvindo pedidos da população. "Tem de tudo, ouve-se muitos agradecimentos, pedidos de empregos, mas o que mais ouço são pessoas dizendo "eu preciso falar com a senhora", mas não dizem o que. Aí eu penso "O que será que ela queria falar?", disse a jornalistas.   A candidata foi abordada por um jornaleiro da região, que fez reclamações sobre a sujeira na cidade. "A tal da Cidade Limpa não é tão limpa, então né?", disse Marta, criticando o projeto do atual prefeito.   A ex-ministra do Turismo disse que "há muito a se fazer" pela região, mas que não conseguiu falar "com toda essa confusão". "Andando na rua, você não identifica nada, só quando você estuda a região. Dá para fazer a rede CEU, UBS, metrô da Barra Funda até a Freguesia do Ó, disso dá, é um compromisso", disse em meio à multidão que a seguia.   Desafio     No sábado, Kassab,  em seu site de campanha e em entrevista coletiva, desafiou a adversária e ex-ministra do Turismo Marta Suplicy (PT) a provar que criou mais leitos hospitalares que a sua administração. De acordo com Kassab, em seu governo foram criados 470 leitos, ante nenhum nas administrações Marta e Celso Pitta. O ex-secretário de Saúde de Marta e atual secretário do Verde e Meio Ambiente, Eduardo Jorge, que o acompanhava na vistoria de parques na zona leste, confirmou os números. "Espero que ela me responda ainda hoje, para que a gente possa comparar as administrações. Democracia é isso", provocou Kassab. Em desvantagem nas pesquisas - aparece atrás de Marta e do ex-governador tucano Geraldo Alckmin - e ainda pouco conhecido do eleitorado, Kassab vem adotando a estratégia de confrontar realizações de sua gestão com as anteriores. Ontem, ele avisou que lançará um desafio por dia, justamente para comparar as administrações.     (Com Moacir Assunção, de O Estado de S.Paulo)  

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.