Marta fará proposta para motoristas em greve

A prefeita de São Paulo, Marta Suplicy (PT), afirmou que vai encaminhar, na tarde de hoje, uma proposta para que as empresas de ônibus encerrem a greve iniciada pela manhã. Marta disse que a Prefeitura não tem como repassar para as empresas de transporte coletivo R$ 35 milhões em subsídios. "Nós não temos como pagar isso. O que foi acordado é que a Prefeitura vai pagar R$ 6 milhões", afirmou ela. Pelo menos 1,5 milhão de pessoas foram prejudicadas com a greve de 21 empresas. A população mais atingida foi a das zonas sul e leste da capital paulista.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.