Marta e Alckmin lideram disputa em SP, aponta Datafolha

Petista tem o apoio de 30% dos entrevistados, um ponto a mais do que Alckmin; Kassab está em 3º, com 15%

Jornal da Tarde,

17 de maio de 2008 | 23h07

Marta Suplicy (PT) e Geraldo Alckmin (PSDB) estão empatados tecnicamente nas intenções de voto para a Prefeitura da capital, segundo pesquisa do Datafolha realizada no último dia 15 e divulgada neste sábado, 17. A petista aparece na enquete com o apoio de 30% dos entrevistados, um ponto a mais do que Alckmin. Gilberto Kassab (DEM) está em terceiro lugar, com 15%. A margem de erro é de três pontos. Em comparação com o resultado da pesquisa anterior feita pelo mesmo instituto, os três líderes cresceram ligeiramente. Na enquete de 25 e 26 de março, Marta tinha 29% das intenções, Alckmin aparecia com 28% e Kassab, com 13%. Na nova enquete, o quarto colocado é Paulo Maluf (PP), com os mesmos 8% da pesquisa anterior. O quinto lugar é de Luiza Erundina (PSB), com 5% das intenções. Em relação à pesquisa de março, Erundina caiu dois pontos. Paulo Pereira da Silva (PDT), o Paulinho da Força, e Soninha (PPS) estão empatados na sexta colocação, ambos com dois pontos. Os demais pré-candidatos não atingiram mais de 1% das intenções.  Cinco por cento dos entrevistados dizem que votarão em branco, anularão o voto ou não votariam em nenhum dos pré-candidatos. Apenas 1% diz estar indeciso. Marta lidera em três regiões da Cidade: no Centro (com 29%, contra 26% de Alckmin e 17% de Kassab), na Zona Sul (com 38%, contra 28% de Alckmin e 10% de Kassab), e na Zona Leste (com 32%, contra 22% de Alckmin e 20% de Kassab). O tucano venceu a pesquisa em duas regiões da Capital: na Zona Norte (com 41%, contra 17% de Marta e 13% de Kassab) e na Zona Oeste (com 37%, contra 20% de Marta e 17% de Kassab). Segundo turno Enquanto as diferenças entre os três líderes se mantêm relativamente estáveis no primeiro turno, a disputa no segundo turno se acirra. Numa disputa entre Marta e Alckmin, ele leva vantagem, segundo o Datafolha. O tucano tem 52% das intenções de voto, contra 42% da petista. A diferença entre os dois, porém, caiu dois pontos porcentuais em relação à enquete de 25 e 26 de março. Nela, Alckmin tinha 53% e Marta, 41%. Num segundo turno contra Kassab, Marta, com 51% das intenções, leva 10 pontos de vantagem. Na pesquisa anterior, a diferença era de 16 pontos (53% contra 37%). Alckmin também venceria Kassab no segundo turno. O tucano teria 58% dos votos contra 31% do atual prefeito. Na pesquisa de 25 e 26 de março, Alckmin tinha 59% das intenções, contra 27% do adversário. Foram feitas 1.087 entrevistas para a pesquisa, numa amostragem estratificada por sexo e idade. A enquete foi registrada no TRE com o número 00700108-SPPE.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.