Marta afasta 6 funcionários da AR Santo Amaro

A prefeita de São Paulo, Marta Suplicy (PT), confirmou hoje o afastamento de seis funcionários da Administração Regional (AR) de Santo Amaro, zona sul, por suspeita de corrupção. Marta disse que os funcionários ficarão afastados até que as investigações sejam concluídas. Uma auditoria para apurar cobranças de propina e outras irregularidades na Regional foi instaurada e dentro de 15 dias os primeiros resultados da investigação deverão ser apresentados, segundo o administrador regional de Santo Amaro, Nerilton Antônio do Amaral. A instalação da auditoria foi revelada ontem com exclusividade pela Agência Estado.Entre os servidores afastados estão o chefe do Departamento de Solo e os dois responsáveis pela Oficina Mecânica da Regional. Segundo a prefeita, os chefes da Oficina foram afastados sob a suspeita de roubo de gasolina. Os nomes desses funcionários não foram revelados pela prefeita.Questionada sobre seu governo estar imune à corrupção, a prefeita disse: "Imune? Eu estou limpando a corrupção. Está muito ruim".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.