Marta acusa Estado de descaso com menores

A prefeita de São Paulo, Marta Suplicy (PT), acusou hoje o governo estadual de ser irresponsável com as crianças carentes por conta de o Estado ter passado o gerenciamento do SOS Criança para a prefeitura. "É inominável a irresponsabilidade e o descaso do Estado com as crianças. Elas têm sido tratadas como bichos", afirmou Marta. Desde que o Estado passou a responsabilidade de administrar o SOS Criança para a prefeitura, no início do mês, o atendimento aos menores carentes tem sido prejudicado. Isso porque a prefeitura alega não ter, neste momento, recursos suficientes para arcar com a administração da entidade."O governador tem falado seguidas vezes da condição excelente que o Estado se encontra. E eu tenho repetidas vezes dito a situação de descalabro que eu recebi a prefeitura", declarou Marta, referindo-se ao governador Geraldo Alkmin e insistindo que o Estado teve uma atitude "descabida ao jogar as crianças na rua".A prefeita reiterou esta manhã que não tem como colaborar com o Estado este ano na construção do Rodoanel, como vem cobrando o governador. "Já deixei claro ao governador, em duas ou três conversas, que esse ano a prefeitura não tem como colaborar com o Rodoanel. Não sei porque o governador tem insistido nisso", disse ela.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.