Marinho é condenado a pagar multa de R$ 2 mil

A Justiça Eleitoral condenou o candidato do PT à Prefeitura de São Bernardo, ex-ministro Luiz Marinho, a pagar multa de R$ 2 mil por uso irregular de auditório da Universidade Metodista para propaganda política. A ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, que esteve no ato, foi retirada da ação por não ter organizado o evento. Marinho vai recorrer sob o argumento de que alugou o auditório.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.