Marina Silva volta à cena em ato público contra política socioambiental

Carta aberta que será enviada a Dilma diz que País vive um retrocesso preocupante

Roldão Arruda, de O Estado de S.Paulo

05 de março de 2012 | 21h18

A política desenvolvida pela presidente Dilma Rousseff (PT) na área ambiental é a pior desde o fim da ditadura militar. Essa é a tônica de uma carta aberta que será lançada nesta segunda-feira, 5, em São Paulo, em ato público que contará com a presença da ex-senadora Marina Silva.

 

O texto, baseado em estudos desenvolvidos por instituições da área ambiental, indica que o País vive um retrocesso preocupante. Além de Marina, que já foi ministra do Meio Ambiente, participarão do ato representantes do Instituto Socioambiental, Fundação SOS Mata Atlântica, Instituto do Homem e Meio Ambiente e outras organizações não governamentais.

 

Na quinta-feira, 8, Marina, que ficou em terceiro lugar na corrida eleitoral para a Presidência da República, em 2010, deve participar, em Brasília, de uma manifestação contra o projeto do Código Florestal que tramita no Congresso.

Tudo o que sabemos sobre:
Marina Silva, política ambiental

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.