Marina descarta campanha para desqualificar adversários

Em entrevista ao portal Terra, em São Paulo, a candidata do PV à Presidência da República, Marina Silva, disse hoje que não é candidata de promessas, mas sim de compromissos com a sociedade. "Assumo o compromisso com a sociedade e com as instituições para continuar melhorando a vida das pessoas", afirmou. A presidenciável disse que se recusa a fazer uma campanha com base no jogo de desqualificação dos adversários, em referência indireta à guerra de acusações entre os candidatos Dilma Rousseff (PT) e José Serra (PSDB).

DAIENE CARDOSO, Agência Estado

26 Julho 2010 | 16h04

A candidata manteve na sua agenda de campanha desta segunda-feira a entrevista ao portal de notícias, uma vez que a sabatina dos portais iG, Terra, MSN e Yahoo com os presidenciáveis, marcada inicialmente para hoje, foi cancelada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.