Sérgio Bernardo/JC Imagem - 2018
Sérgio Bernardo/JC Imagem - 2018

Marília Arraes ataca PT: 'usam meu nome como massa de manobra'

A deputada federal desautorizou o PT de Pernambuco a indicar seu nome na disputa pelo Senado; em nota, Marília Arraes garantiu manter o apoio à candidatura de Lula à Presidência da República

Davi Medeiros, O Estado de S.Paulo

21 de março de 2022 | 08h05
Atualizado 22 de março de 2022 | 11h52

A deputada federal Marília Arraes (PT-PE) publicou um comunicado na noite deste domingo, 20, manifestando descontentamento com a indicação de seu nome para o Senado e afirmando que o partido a usou como “massa de manobra”. A deputada diz não ter sido consultada para autorizar a decisão, o que, para ela, revela “descuido” e “uma precipitação sem limites”. 

“Não autorizei que envolvessem o meu nome em qualquer negociação, menos ainda que tornassem público, como se fossem os senhores do meu destino”, escreveu a deputada, acrescentando que um acordo de cúpula já impediu sua candidatura ao governo do Estado em outra ocasião, em 2018. Segundo ela, o partido também tentou inviabilizar sua candidatura à prefeitura do Recife em 2020, o que teria contribuído para a eleição de seu adversário, João Campos, que é também seu primo. 

No mesmo comunicado, Marília afirmou que está conversando com lideranças de Pernambuco e que deve anunciar nos próximos dias os seus planos para as eleições de outubro. A parlamentar também ponderou que o ocorrido não compromete seu apoio “incondicional” à campanha de Luiz Inácio Lula da Silva para a Presidência.

Em nota, a parlamentar disse que conversou com Lula nesta segunda-feira, 21 sobre o cenário eleitoral. "Conversamos sobre o quadro político nacional, analisamos a situação eleitoral em Pernambuco e as alternativas que se colocam no Estado, reafirmando o compromisso com a candidatura do presidente Lula para reconstruir o país", afirmou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.