Marco Maciel critica visita de Lula às obras do São Francisco

'Eu acho que tem um caráter de campanha eleitoral', afirmou em discurso no Senado o ex-vice-presidente

Agência Brasil,

16 de outubro de 2009 | 13h57

O senador Marco Maciel (DEM-PE) fez críticas nesta sexta-feira, 16, à visita do presidente Luiz Inácio Lula da Silva às obras de revitalização e integração do Rio São Francisco. Para ele, a viagem tem caráter eleitoral. "Eu acho que tem um caráter de campanha eleitoral. É lógico que se associa a visita às obras que não estão concluídas ainda. E isso, naturalmente, dá lugar a uma grande discussão sobre o tema", disse.

 

Veja Também

linkLula aumenta carga e compara oposição a 'jogador reserva'

linkLula e Serra trocam farpas sobre irrigação no Nordeste

linkPSDB pretende acionar TSE por campanha antecipada

 

Além disso, o PSDB pretende apresentar, nesta terça-feira, 20, um requerimento à Casa Civil pedindo informações sobre essas viagens. O partido quer saber, entre outras coisas, o custo desses deslocamentos. A ideia é juntar informações para entrar com ação na Justiça Eleitoral acusando Lula de uso da máquina pública nas viagens de revitalização do Rio São Francisco.

 

O senador João Pedro (PT-AM) defendeu o presidente. Disse que "é justo" que as obras sejam visitadas. "O presidente Lula tem de visitar as obras. Ele não pode ficar trancado no Palácio do Planalto um ano e dois meses. A revitalização do São Francisco é uma obra de governo. É um equívoco chamar a visita de trabalho como antecipação das eleições", disse.

 

Lula termina nesta sexta-feira os três dias de visita às obras de integração e revitalização do Rio São Francisco acompanhado da ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, apontada como candidata do presidente às eleições do ano que vem.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.