Márcio Lacerda pede para congelar o próprio salário

O prefeito eleito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda (PSB), firmou acordo com o presidente da Câmara Municipal, Totó Teixeira (PR), para alterar o projeto que aumentaria em 20% o salário do prefeito e em 46,9% o dos secretários em 2009. O salário de Lacerda ficará congelado em R$ 15,9 mil e o dos secretários terá reajuste menor que o previsto. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.